Vinicius de Moraes - Menina Das Duas Tranças - Clickletras.com.br

Letra Menina Das Duas Tranças


Menina das duas tranças
Deixe o meu filhinho em paz
Que ele ainda é muito criança
Pras coisas que você faz
Baixa o seu olhar escuro
Cubra esse peitinho em flor
Que ele ainda não está maduro
Prá essa escuridão de amor
Vá se embora, te esconjuro, deixe o filho meu
Basta neste negro mundo o que o pai sofreu
Menina das duas tranças deixe o meu paizinho em paz
Que ele não é mais criança pras coisas que você faz
Pare de deitar quebranto, chega dessa mostração
Que meu pai já sofreu tanto só viveu desilusão
Vá se embora, te esconjuro, deixe em paz meu pai