Tedbrown - Sonhos Lutas e Conquistas - Clickletras.com.br


Letra Sonhos Lutas e Conquistas

Sonhos lutas e conquistas
Ted brown redblack & feijó viva rima
Vou lutar (lutar) e eu vou conquistar
Vou sonhar (sonhar) e irei chegar
Vou pegar (pegar) e não irei lagar
E sei que algum dia minha hora vai chegar

Eu vou viver (viver) como nunca eu vivi
Eu vou ver (ver) oque eu nunca vi
Vou lutar sonhar chegar pegar
Tomar guardar eu não irei largar

Pra mim não importa o tempo que demore
As batalhas terminam só se ela morre
A esperança nos seu olhos uma pessoa certa
Uma chama enquanto não se apaga não se entrega.
Para onde que vamos? Oque nos tornamos?
Família estudos na mente alguns planos
Mesmo gritando ir andar para os 4 cantos
Minha voz não chega onde eu quero tanto

Me diga se quer se tornar o que?
Doutor, advogado ou mc?
Preto pobre moleque sem futuro
Um sonho de criança para você não tem futuro
Esta sentenciado a viver atrás das grades
O passado te condena o futuro não lhe vale
A corda chega de sonha besteira
A realidade é outro infelizmente esse é o problema
Aceite o sistema e será trancafiado
Abaixe a cabeça e seus sonhos vão pro ralo
Teve um caminho mais fácil que você seguiu
Seu sonhos sua vida foram e você nem viu

O tempo se passa aqui dentro da favela
As crianças que criam dentro do no barraco delas
Vivendo e aprendendo entre são pedro e o sossego
Estão só enfrentando a fúria dor amor e o medo
Mesmo no sofrimento ainda os sonhos vagão
Mesmo nos olhos daqueles que aqui não estavam
Volta para quebrada sair da vida bandida
Ser um homem honesto amenos uma vez na vida

Vou lutar (lutar) e eu vou conquistar
Vou sonhar (sonhar) e irei chegar
Vou pegar (pegar) e não irei lagar
E sei que algum dia minha hora vai chegar
Eu vou viver (viver) como nunca eu vivi
Eu vou ver (ver) o que eu nunca vi
Vou lutar sonhar chegar pegar
Tomar guardar eu não irei largar

Pois as vezes essas mentes
Geralmente de acordo com o ambiente
Se enriquecem com a desgraça sendo conivente
Atalhos que vos deixam deprimente
, Quase nunca transparentes e indiferentes
Pelo que vemos pela frente,
Realidade de alegria evidente
Momentaneamente

Tás status, tira maior onda
Mesmo que se esconda
Sua cerveja não desce redonda
Só arredonda a conta pra menos
A cada vai dia vai perdendo seus terrenos
Vai tomando dose do seu próprio veneno
Mentira tem perna curta aprendi desde pequeno
E meu avo falou
Vai chegar seu dia sobe la no palco e faz seu show

No campeonato ou na papelada vai lá faz seu gol
Mais seja for encare com corpo e alma
E no final da festa quem tiver lá bater palma
Eu sei que tu quer, tu pode ta ligado, tu sabe
Então corra antes que tudo desabe
Só não se gabe de nada,
Pois somos aprendizes aqui nessa jornada
Eu sei que a vida é loca é longa a caminhada
Ted e feijó na sintonia da alvorada
Vou lutar (lutar) e eu vou conquistar
Vou sonhar (sonhar) e irei chegar
Vou pegar (pegar) e não irei lagar
E sei que algum dia minha hora vai chegar

Eu vou viver (viver) como nunca eu vivi
Eu vou ver (ver) oque eu nunca vi
Vou lutar sonhar chegar pegar
Tomar guardar eu não irei largar