Rubinho Martins - Vila Maria 2015 - Clickletras.com.br


Letra Vila Maria 2015

A Águia altaneira os mares cruzou
Encontrou no seio da mãe África
Lá vem Moçambique, pra encantar você
Pode aplaudir...chegou Nenê!!!

Raiou o sol...
Ergo os meus braços para agradecer ao céu
Sou o baobá sagrado
A história da minha terra vou contar
Rendido aos meus pés...o reino bantu fez surgir
Cultura de uma nação guerreira
No comércio prosperava um sultão
Seu próprio nome batizou esse meu chão
Tanta riqueza...a febre da ganância despertou
Traído pelo véu da noite, meu espírito chorou
"demônio verde" trouxe a exploração
Fincada a bandeira da dominação

Num canto de fé, a esperança
Do fundo da mata eu ouvi brotar
A luta é herança, ancestralidade
Ao som da Timbila...ecoou a liberdade!

Hoje é dia de festa, a dança celebra a iniciação
Na arte a pureza materna...batik, a minha tradição
Sou...a linda pérola da natureza
Paraíso de beleza, pintada nas cores do mar
Na floresta a vida eu fiz renascer
Evoquei a fé pra preservar
A cura para a paz eternizar
O meu sorriso...que ao mundo contagia
Traduz o progresso...que o meu povo conquistou
Sou um leão e meu futuro é promissor

Link : https://www.youtube.com/watch?v=stWPM_5fLMk&list=UUIVWcRH8gu7T5C33Gcipi5Q&index=13


Top 10 Rubinho Martins

  1. Vila Maria 2015


Relacionados