Rita Benneditto - Missiva - Clickletras.com.br


Letra Missiva

Beijo teu umbigo brigo por um beijo

digo que não brigo desligo desejo

eu cego contigo me vejo

na real me ponho sonho realejo

quero te ver / quero te ver bem

quero te ver bem

o nordeste secou mandacaru secou a fonte secou

mas eu saquei e escrevi esta missiva

pra minha nega dina pra minha doida diva

telegrafei de cara o espanto na lata

essa nega me maltrata e eu sou doidim por ela

sou doidim por ela doidim por ela doidim por ela

amor que é amor balança

e meu amor dança um tango de lepera

oh! jardineira por que estás tão triste

mas o que foi que te aconteceu

por que estás tão triste se o mundo é todo teu

eu te amo sim eu te amo não

mesmo que pareça absurdo esse refrão

quem vê máscara máscara máscara


não vê coração

babel marfim eiffel onde moras rapunzel

se a paixão morreu vem dançar bolero de ravel

sou cavalo pra teu santo esperando de hebreu

eu sou o espírito santo que baixou no Galileu

galês senegalês galante labirinto sem teseu

a mandinga o quebranto canto de orixá axé de

oxalá

oxóssi ne me laisse oxóssi ne me laisse

oxóssi ne me laisse pas

quero te ver

quero te ver bem

quero te ver bem.