Rita Benneditto - A Deusa dos Orixás - Clickletras.com.br


Letra A Deusa dos Orixás

O vento bateu na saia de yansã

o vento bateu pra yansã rodar

yansã, cadê ogum? foi pro mar

mas yansã, cadê ogum? foi pro mar


yansã penteia os seus cabelos macios

quando a luz da lua cheia

clareia nas águas dos rios

ogum sonhava com a filha de nanã

e pensava que as estrelas

eram os olhos de yansã

mas yansã, cadê ogum? foi pro mar

na terra dos orixás, o amor se dividia

entre um deus que era de paz

e outro deus que combatia

como a luta só termina

quando existe um vencedor

yansã virou rainha da coroa de xangô


oiá, oiá, oiá me

oiá matamba me cacurucaju zinguê