Pedro Miranda - Baticum - Clickletras.com.br


Letra Baticum


Aquela cabocla
De boca rasgada
De cara pintada
Como grão do urucum
Aquela diaba
De beiço vermelho
Que mostra o joelho
Puxando o debrum

Aquela cabocla
Do corpo caboclo
Da casca do coco
Dente de marfim
Aquela danada
Descalça na terra
Provoca uma guerra
Por dentro de mim

Aquela morena
Que roda o coreto
Quem tem olho preto
Que dança o lundum
Aquela bichinha
Que cai no requebro
Cabelo mais negro
Que a asa do anum

Aquela morena
De peito em pinote
Que pula o decote
Do branco morim
Aquela dianha
Parece um morcego
Me tira o sossego
Na noite sem fim

Aquela nativa
Amiga dos bichos
Também tem caprichos
Como qualquer um
Aquela indiazinha
Cunhã de uma figa
Adora cantiga
Que tem baticum

Por isso é que eu canto
Cabocla morena
Na noite serena
Bebendo cauim
Um dia eu te atriao
E faço contigo
Umbigo com umbigo
Nosso curumim