Paula Fernandes - Chuva de Prata - Clickletras.com.br


Letra Chuva de Prata


Chuva de prata que cai sem parar
Quase me mata de tanto esperar
Um beijo molhado de luz
Sela o nosso amor

Toda vez que o amor disser
Vem comigo!
Vai sem medo
De se arrepender

Você deve acreditar
No que eu digo
Pode ir fundo
Isso é que é viver

Chuva de prata que cai sem parar
Quase me mata de tanto esperar
Um beijo molhado de luz
Sela o nosso amor

Basta um pouquinho de mel pra adoçar
Deixa cair o teu mel sobre nós
Ó lua bonita no céu
Molha a nosso amor

Toda vez que o amor disser
Vem comigo!
Pode ir fundo
Isso é que é viver

Chuva de prata que cai sem parar
Quase me mata de tanto esperar
Um beijo molhado de luz
Sela o nosso amor

Cola seu rosto no meu, vem dançar
Pinga seu nome no meu pra ficar
Enquanto se esquece de mim
Lembra da canção

A lua bonita no céu
Molha o nosso amor
Um beijo molhado de luz
Sela o nosso amor