Odilon Ramos - Canto do Guerreiro Dominado - Clickletras.com.br


Letra Canto do Guerreiro Dominado

Sou rude como o homem da caverna.
B?aro, primitivo, indelicado:
Mas um teu gesto, uma palavra terna,
Me fazem manso, d?, dominado.

Guerreiro de mil guerras diferentes,
Jamais fraquejo frente ao inimigo,
Sou indom?l, forte, sou valente,
Mas sou t?fr?l, quando estou contigo...

Dos mais duros combates j?ravados,
Tenho medalhas e trof? guardados.
Como rel?ias entre meus pertences.

Mas no combate que n?ois travamos
Sobre os len?s, sempre que nos amamos,
Me sinto vencedor, quando tu vences.