ModéstiaParte - Chei de Amor - Clickletras.com.br


Letra Chei de Amor


Orochi tô tranquilão, Maquiny no violão
Pra yas cara de pão
Chei de amor no coração

Chei de amor, chei de amor
Eu avistei a novinha sentada
No canto da festa e falei vou que vou

Chei de amor, chei de amor
Ela tem carinha de pão
Mas o sorriso encantador

E antigamente tava na vida de putão
Do nada vem muriçoca e concertou meu coração
E eu era apenas um vagabundo
Vivendo cada segundo abandonado pelo mundo
E de repente minha mente
De um jeito diferente
Percebeu que somente você
Serviria pra mim no momento presente
Com a kadov no copo
Ela tirou meu foco
Memo eu sendo um vagabundo
Que não andava de moto
Cheguei pra ela, ela disse que não
Falou que o pai tinha cara de pão
Pra um vingador nada é mais inspirador que rejeição
E o tempo foi passando, isso é tão natural
E você percebeu que o vagabundo ideal
Era o mc orochi que sabe te deixar louca
Complementa entre quatro parede
Puxão de cabelo e um beijo na boca

Chei de amor, chei de amor
Eu avistei a novinha sentada
No canto da festa e falei vou que vou

Chei de amor, chei de amor
Ela tem carinha de pão
Mas o sorriso encantador

E eu sou do vila laje, ela é do boa vista
Tava fudido pra visita la, se eu fosse skatista
Mais de 10 mil remada só pra ver minha namorada

Impossível essa viajem sem duas garrafa d'água
E pra me fude o morro dela e de noventa
Pra subir de camelinho só se bota na marcha lenta
Eu que tenho bronquite tenho que fazer um esforço
Mas pra ficar com essa gata qualquer sacrifício é pouco
Tem gente que da presente junto com o buque de flores
E eu vagabundo transante faço logo um chei de amor

Orochi to tranquilão, Maquiny no violão
Papai já tá envolvido com yas cara de pão

Chei de amor, chei de amor
Eu avistei a novinha sentada
No canto da festa e falei vou que vou

Chei de amor, chei de amor
Ela tem carinha de pão
Mas o sorriso encantador