Meliantes - O RAP Domina o Globo - Clickletras.com.br


Letra O RAP Domina o Globo

O RAP domina o globo
Cresce e não para
Saber que alguns irmãos não curtem
Me racha a cara
Esse mundo globalizado
Já adestrou o povo
Periferia é correria
Remédio amansa louco
Cadê os manos lá na praça
Fazendo fumaça
Não sou contra o do verdinho
Mas pedra mata
Então embaça! Homens de cinza na quebrada
Sirene ligada e a quadrilha enquadrada
Então não mais nada
Só os manos tudo chinês
É 1 2 3
Vacilou, perdeu a vez
Mano Elias, liga nos ali com as minas
Então sente o clima
Mil grau é a quadrilha
Essa é nossa ética
Fonética perfeita
Que acaba em rima
E isso te anima
Você e sua mina
Curtindo um rap do bom
Um rap da quadrilha
E isso me anima
Eu tô chegando loucão
Fumagalli, opa
Aí Marcel (sou eu)
Da volume no som
Marcelo, X
Banca forte tá entrando em ação
Mandando um salve pros manos
Mandando um salve pras minas
R.A.P. som de periferia
Ideia consciente que de embalo contagia
É 100% veneno
É 100% atitude
Malandro que é malandro não vacila e não se ilude
Plim plim, a saga continua e não tem fim
Tim tim, um brinde pra vocês outro pra mim
Plim plim, que se foda a moda é bem assim
É bem assim
De dia batendo ponto de noite batendo tambor
Muita cobrança e pouco amor
Batebatuque acelera a batida do meu coração
Do rap ao reggae hc, prevalece a união
Prevalece a união, prevalece a união

A esperança não morre
Quem morre é a gente
Segue a vida, segue em frente
Na vida real não tem mocinho nem vilão
Pelos caminhos da música
Os moleques mudam a vida pra uma nova direção
Meliantes, El Negro, Nego Marcelo
É nós
Prevalece a união
Prevalece a união