Mc-Séé - Não Há - Clickletras.com.br


Letra Não Há

Hoje é sábado, não vejo maneira de acabar a letra,
Chegar ao fim da gravação, e ouvir esse som rebenta,
Eu vou tentar descrever, uma grande história,
Meia aleatória, mas como uma vitória,
E deixar na minha memória de glória, não incriminatória,
Com a mente naquela manhã meio inspiratória,
Pego na sebenta, e sem saber o que fazer,
Com tanta letra, assino e dou pra ela ler,
O meu rascunho estava incompleto, e com rimas inacabadas,
Queria ser um poeta, e pus as frases estruturadas,
Comecei pelo início, mas eu queria o fim,
Sabia que tinha feito um esforço, e escrito aquilo por mim,

Não há, a solução possível,
Não há, interacção possível,
Não há, revolução possível,
Não há, a solução possível,

Continuei o meu caminho percorrendo sem eira nem beira,
Passei ali no estádio para ver o meu beira,
Segui pela estrada, com o frio de rachar,
Sabia que o meu orgulho e esperança, me deixariam ganhar,
Eu demonstro quem sou, por mostrar o meu ser,
Resisto, não visto a pele de quem não sou,
Sou visto, não dispo a pele de quem sou eu,
Parece aquela história antiga de um amigo meu,
Chego a casa e a noite não tardava, estava,
Um festão á minha espera que nunca mais acabava,
Vesti-me, com a cabeça naquele momento de me divertir,
Bebendo até cair, chegou a um momento que só queria sair,
Saí, e peguei num carro para me por dali para fora,
O meu fim, a chamada morte deveria ser agora,
Vi a vida a andar para trás como não houvesse outrora,
O chamado milagre salvou-me, mas ele já não cá mora,

Não há, a solução possível,
Não há, interacção possível,
Não há, revolução possível,
Não há, a solução possível,

Recolho informação da minha história de vida,
Mas não a que provocou estragos, porque essa estava tingida,
O momento de amnésia, era o que me provocava dor,
Tinha a morfina da música, era o que me dava fulgor,
Decorei a minha letra, com um dom especial,
Há quem diga que é top, e outros que é banal,
Surpreso da vida, vejo uma encruzilhada,
Escolho uma das estradas, era a destinada
Há algo de errado, sinto-me com poder,
Disparo sentimentos, era pra abater,
Ansiedade, piedade, ocorreu-me no momento,
Propriedade, relatividade, ficou lá no convento,
Manipulo, já pulo a minha etapa circunstancial,
Salto do muro, procuro o que é normal,
Deixo uma mensagem, para quem está acordado,
Não me deixei adormecer, o próximo som está a ser lançado,

Não há, a solução possível,
Não há, interacção possível,
Não há, revolução possível,
Não há, a solução possível,