Matielli Drunk - Narkotikai - Clickletras.com.br


Letra Narkotikai

Estou desberlotando piadas, mente esvaziada
Joga um haxixado, quero mais nada
Em busca de mais filosofias e modeletes
Que me servem de raquel, então degustem raquete
Foda-se oque pensam sobre mim
Nunca será diferente, sempre foi assim
Frio como um icebarg, derrubo titanics
E não preciso de muito, só um mic e um beat

Eu ando nas sombras, humor negro
Sádico tipo joker, machuco e nem percebo
Problema clínico, chamem o dr. House
Ando sobre vômitos, rimas são minha fap
O mundo causa baque, a tempestade lá fora cai
É o retorno do jedi, chorem mais
Me destaco de quem ainda é um padawan
Eu já estou no nível acima, pique obwan

Treinando futuras ameaças, como luke
Merdas falam merdas, com merdas não se descutem
Atitude, mente podre como darth vader
Explodindo dinamites, "as ta la vista, baby"
Eu quero que se foda os inimigos, vou queima-los
E jogar suas cinzas em meus baseados
Outra ligação no meu celular e são 3 da manhã
É aquela vadia que diz ser minha fã

Essa infeliz me perturba, ela quer meu sangue
Enquanto me preparo pra mais um bang bang
Ela quer estar comigo o dia inteiro e não me larga
Desliga o celular e vem aqui pra casa
O pior é que ela namora, recebe uma moral
E ela retribui ao otário com uma atitude imoral
Foda-se, tenho comida japonesa e seda
Tenho maconha, um dose anos, vodca e cerveja

Eu ando ouvindo alguns raps quando to chapado
Mano, esses caras rimam rápido
Vendem o frasco sem conteúdo pra que comprem
Então de que adianta? A mensagem não foi enviada
Deixe o mundo em chamas e venda sua alma
Palavras pesam, pedem pra eu ir com calma
Respiro fundo, cada track é uma batalha
Vendendo sonho por algo que me destraia

Assinem cheques e alguns contratos
To promovendo o mundo com meus devaneios e disparos
Como alguns cereais e vejo desenhos animados
Ouvindo eddie vedder enquanto penso em algo
Tão distante do mundo, esperando o tempo certo
Quando dizem que sou um gênio, inflama meu ego
Pagando uma dança pra morte que faz streap, não para
Ofegante, sinto sua respiração cara a cara

Rio de janeiro, à la velho oeste
A trilha sonora que mais ouço por aqui é "click clack"
Outro beck, expulso demônios
Versos tem que causar mais impacto que pseudônimo