Marcus Vinícius - Sem Janeiro - Clickletras.com.br


Letra Sem Janeiro

Sem os pneus o seu carro não anda
Me diz o homem que inventou a roda
Sem sol bater tambem não bate chuva
Um controle remoto sem o que mudar
Um livre arbitrio solto sem o que querer
Sou mais um controle remoto sem o que mudar
Mais um livre arbitrio solto sem o que querer

Eu sem você como é que deve ser?

A mesa posta sem gente na sala
Um jornal sem sequer uma notícia
Um dicionário que não tem palavras
Foi a primeira coisa que o mundo se esqueceu
Como quem se lembrasse dela fosse apenas eu
Qual a primeira coisa que o mundo se esqueceu
Como quem se lembrasse dela fosse apenas eu
Apenas...

Eu sem você como é que deve ser

Deve ser uma pilha de gelo sobre o Saara quente
Que coisa demente
Quando a gente namora toda hora
Sempre fica tudo tão diferente
Eu acho que o contrário ia ser hilário
Tudo errado o tempo inteiro
Como se o ano começasse sem Janeiro ou Fevereiro

Eu sem você como é que deve ser?