Mamutty BlaHk - Os Verdadeiros - Clickletras.com.br


Letra Os Verdadeiros

Concentrado com a caneta rimando até umas horas
Enlouquecido com o sistema e enlouquecendo as senhoras
Mirando alto, nos altos e baixo da vida
Evoluindo a cada dia numa correria fudida
Deixando de lado a escola pra rimar
Meu caderno parece um livro de phd do rap
Varias rimas muito louca vida loca
No rio de janeiro é nós que ta rasgando a porra toda
Mamutty blahk representando no som
Chega ai, vem confirir, ver como é bom!
A vitoria se aproxima a cada batalha travada
Me sinto vencedor toda vez que entro em casa
Não sou de abrir espaço pra cobra se criar
Se tem peito bate de frente e tenta me derrubar
Pode chegar mas chega no sapatim
Pode vim, mas vem de mancim, piqininim
Que de piqueno nós vai crescendo
O ganancioso sempre prova do seu proprio veneno
Gosto amargo, gosto da ilusão
Seus barraco de areia vão embora com o temporal
Se o teu boné ta largo tu não fexa com nós não
Ideia fraca não tem vez na terra dos cachorrão!

Refrão 2x
É nós que ta, preto, no rap é nós que ta
Representando nas ruas do rio ou em qualquer lugar
Nossa voz vai chegar e a caixas estourar
Vagabundo abre a bunda quando os verdadeiro chega!

Sem brincadeira, ninguem binca em serviso
Rap é mas que uma curtição, pra quem faz é um compromisso
Não minto, não omito digo apenas a verdade
Rap não é viagem já dizia o sabotage
Armado fortemente com caneta e papel
Fazendo valer apena a inspiração que vem do céu
Fama, grana, mulher, prestigio, estatus
Combinação perfeita pra ti deixar no buraco
Uma vez no topo so tem um lugar pra onde ir
É down mano. você vai cair!
Aumenta o som da um grau bolado no volume
Estoura as caixas, mano, como de costume
Deixa fluir, deixa todo mundo ouvir e saber
A t.v quer nos mudar, mas somos pretos até morrer
Visto preto por dentro e por fora
E não abaixo minha cabeça pra ninguém mano...
Uns dizem que sou abusado, outros dizem que sou responsa
Algumas minas me querem safado e outras com aliança
Mas não me prendo a ninguém.
E to sempre indo alem do improvável, impossível e o infinito meu bem!
Eu sou rap, faço rap, o rap que me fez
Sou filho de laura e henrique e não de um burgues!

Refrão 2x
É nós que ta, preto, no rap é nós que ta
Representando nas ruas do rio ou em qualquer lugar
Nossa voz vai chegar e a caixas estourar
Vagabundo abre a bunda quando os verdadeiro chega!