Karine Alexandrino - Como Me Tornei Una Adúltera - Clickletras.com.br

Letra Como Me Tornei Una Adúltera

Deito sobre seu quadril
Pergunto
Sua voz
De que é feita sua voz?
Hei...

Minha vida em espiral
Adio ' erte' final
Como uma mulher
Pode fugir 'derte' mundo escroto?

Soy una senhorita alta
Tão libre
Um bilhete azul
Entra, entra, entra...

Soy forte e bruta
Só um poco mentirosa
Amada

Minhas pernas já estão pintada
Minhas meias já estão rasgadas
Pode vir
O que es una foda
Quando o que deseo é amor?