Inezita Barroso - Jorginho do Sertão - Clickletras.com.br


Letra Jorginho do Sertão


O jorginho do sertão
Rapazinho de talento
Numa carpa de café
Ele enjeitô três casamento

Logo veio o seu patrão
Cheio de contentamento
(Tenho três filhas sorteira e
Lhe ofereço em casamento)

Logo veio a mais nova
Cheia de toque de fita
Jorginho case comigo
Que das três
Sô a mais bonita

Logo veio a do meio
Vestidinho cor de prata
Jorginho case comigo
Ou então você me mata

Logo veio a mais velha
Por ser mais interesseira
Jorginho case comigo
Sou a mais trabalhadeira

Jorge pegou o cavalo
Encilhou na mesma hora
Foi dizer pra morenada
Adeus que eu já vou-me embora

Na hora da despedida
Ai, ai, ai
É que a moreninha chora
Ai, ai, ai

O Jorginho resorveu
É melhor que eu mesmo suma
Não posso casá com as três, ai
Eu num caso com nenhuma