Indomma - Hora De Mudar - Clickletras.com.br


Letra Hora De Mudar

Raios foscos cruzam o céu
E nossos traços e embaraços transparecem na manhã
A força inconstante, clara e reverberante
Torna claro que as glórias não sustentam um amor
No breu da falida madrugada, um som me revelou
Que a paixão que nos unia se desfez em cacos pelo chão
Eu olho para o agora e só vejo o que passou
O resto é difuso como um sonho que se dissipou

O que será de nós
Quando o brilho dos seus olhos só me mostrar decepção?
O que será de nós
Quando o afago e o carinho forem nulos e por dó?

Hora de mudar
Hora de mudar e eliminar a dor
Hora de mudar

As luzes da cidade parecem distantes
Enquanto observo-a deitada pela última vez
A solidão noturna é inquietante
Mas não muito diferente do que a que ao seu lado por meses vivi
Sua face insólita traz um lapso de esperança
Mas é só um arrepio que perpassa por seu corpo nu
Um último segundo, um suspiro, um silencioso adeus
E a inesperada dor que me assalta e desnorteia


Top 10 Indomma

  1. Autocrítica
  2. Obs
  3. Hora De Mudar


Relacionados