Carol Gualberto - Alegria Sem Medida - Clickletras.com.br


Letra Alegria Sem Medida


Eu vou poder amar de novo como antes
E celebrar a recompensa dos amantes
Tomar no colo os meus filhos sem receio
Voltar a ser de minha casa adorno e esteio

Quero correr feito menina entre as parreiras
E me deixar levar nas velhas corredeiras
Quero esquecer os doze anos e os tormentos
E que gastei inutilmente os meus proventos

Sinto chegar uma alegria sem medida
Sinto que agora vou saber o que é vida
Serei curada de maneira inconteste
Se eu com fé tocar na orla de suas vestes