Caju & Castanha - A Alegria do Rico e o Sofrimento do Pobre - Clickletras.com.br

Letra A Alegria do Rico e o Sofrimento do Pobre

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer

Quando o rico adoece
Tem dinheiro pra gastar
Tem o plano de saúde
Para ele se consultar
Vai no melhor hospital
Que você possa imaginar

Se o pobre adoece
O sofrimento é de lascar
Vai no pior hospital
Que ele possa encontrar
E enfrenta uma fila enorme
Pra poder se receitar

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer

Divertimento de rico
É uma festa de arrombar
Só tem cerveja gelada
Muito whisky e caviar
A noite inteira se vê
Carro importado chegar

Divertimento de pobre
É estar tomando cachaça
Viver jogado na rua
Se entregando pras traça
Sai metido a valentão
E qualquer pessoa ameaça

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer

Se o rico quer ter um filho
Tem um controle legal
Ele avisa pra mulher
Só vamos ter um casal
Depois faço a cirurgia
Que é pra eu não me dar mal

Se o pobre quer ter um filho
Não sabe se controlar
Tem filho de perna aberta
Com a filha do seu oscar
Não pode ver uma moça
Que ele quer engravidar

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer

A filha do homem rico
O negócio é namorar
Muitas delas tem cabeça
Quando se fala em casar
Ela diz depois dos vinte
É que eu irei pensar

A filha do pobrezinho
Com doze vai pra gandaia
Toda bem perfumadinha
Com aquela mini-saia
Engravida e a fofoca
No meio da rua se espalha

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer

O pique-nique do rico
É um carro super lotado
Tem muitas comida boa
E muito whisky importando
Leva a família pra praia
E o divertimento é dobrado

Já pique-nique de pobre
É só pra cria mazela
Carrega um saco de pão
Cheinho de mortadela
Vai tomar banho no rio
E volta com a febre amarela

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer

O automóvel do rico
É uma coisa invejosa
Uma bela limousine
Daquelas bem espaçosa
Bmw ou mercedes
De qualidade zelosa

O automóvel de pobre
Não é preciso eu falar
É uma bicicleta velha
Que ele acabou de montar
Pra todo dia cedinho
O coitado trabalhar

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer

A mulher do homem rico
Se bota uma galha nele
Ele vai pergunta a ela
Diga se o russo é aquele
Compra um carro do ano
Pra ela saí com ele

Já o pobre é diferente
Tem a idéia mais fraca
Se a mulher com o russo
Vai logo metendo a faca
Termina os dois no presídio
Se acabando na porrada

O rico vive na boa
E o pobre não tem prazer
Enquanto o rico tem tudo
O pobre vive a sofrer