Bernardo Bravo - Coisado - Clickletras.com.br


Letra Coisado

Meu bom humor mora na tua pele

Vaza daqui
Não quero hoje toque de mão
Eu hoje não to mesmo afim
De briga ou qualquer discussão
Vaza daqui
Com esse jeitinho feliz
Eu hoje não me reconheci
Eu hoje canto belo pra ter
A paz que eu perdi, a paz
Quede o meu amor, pro meu humor mudar?

Olha eu aqui, todinha só pra tu degustar
Vim cá pra clarear teu viver
Vim cá pra te lembrar de sonhar
Que é que se deu
Pra tu assim ficar tão de mal
Pra tu assim falar com quem vai
Tá ao lado teu até o final
O nosso amor a gente faz
Quede a tua fé em prol do que lhe apraz

Vem, senta aqui
Me conta o que lhe aflige de vez
Deságua teu rancor pelo olhar
Incensa com alívio esse nó
Vem, senta aqui
E deixa assim correr, sem falar
Carinho por até quem não tem
Um jeito doce de se mostrar
No colo a gente se desfaz
Ah, como é tão bom a gente se abraçar!