Banda Golgotha - Golgotha - Clickletras.com.br


Letra Golgotha

Eles pisaram em cima dele.
Eu não quero pisar também.
Já perfurei seu corpo com meus pecados.
Coroado com espinhos,
lavou com seu sangue a todos nós.
Tornou a morte em vida, água em vinho.

Cravado pelos membros, pregos perfurando o próprio Deus. Sofrendo em silêncio... Cordeiro abusado pelos chacais.

O homem dançou cegado.
Não percebeu que estava do lado errado.
No meio do fogo cruzado entre Deus e o diabo.

Mas o ópio durou pouco.
O céu começou a enegrecer.
Brotava medo na alma do homem.
Olhando o corpo morto, na retina de Deus o homem se enxergou. Viu o quanto era grande sua embriaguez.

Da dança para o pranto - percebeu seu erro e se arrependeu.
E disse pro diabo: "eu não quero mais".
E no seu novo canto, o homem parou calado.
Percebeu o quanto ele estava desviado.
De repente acordado, antes estivesse do outro lado.