AMDK - Felicidade - Clickletras.com.br


Letra Felicidade

Queria entender o que está acontecendo
Vivemos superficialmente e os sentimentos morrendo
Não olhamos no olho não falamos no ouvido
Postamos em rede social o que realmente sentimos
Perdemos o contato humano o cheiro da manhã
Compartilhando sua vida pessoal no istagram

Estamos valorizando a futilidade
Cadê o amor em cada toque a felicidade
O casamento antigo é o amor do lado
Na atualidade é ter mansão e carro importado
Estamos sonhando alto com o amor perfeito
Mas aos olhos de Deus somos seres imperfeitos

Você despreza o amor da sua família
São os pilares para lhe erguer na sua caída
As amizades do mundo em diversas maneiras
Só correm com você no bar no copo da cerveja

Não se iluda as luzes do camarim no divã
Seja um sábio visionário e pense no amanhã
Saia em busca do amor e da felicidade
Não seja escravo eterno da futilidade

Eu sei que é bem louco ter uma mina da hora
O corpo escultural a verdadeira gostosa
O sentimento verdadeiro está nos bancos dos réus
É amor verdadeiro o verdadeiro troféu
Contradições do mundão não consigo entender
Dinheiro e traição não podem prevalecer?

Eu sei que é difícil encontrar o amor
Quando encontramos e perdemos saboreamos a dor
Não pregue ao próximo a sua mentira
Valorize os que te amam, sem hipocrisia
Em tempos de guerras pessoas desacreditadas
Perdendo sua fé pouco tempo de estrada

Não adianta chorar entre o céu e o inferno
Sua luta interna derradeira nos tempos modernos
Se existe guerras e vitórias em tempos de glória
Deixe cravada no tempo sua verdadeira história

Não se iluda as luzes do camarim no divã.
Seja um sábio visionário e pense no amanhã
Saia em busca do amor e da felicidade
Não seja escravo eterno da futilidade.

Em cada letra em cada estrofe mando essa ideia, se você nunca errou atire a primeira pedra.
Acredito na vida na oportunidade, deixe de lado seus erros e viva sem maldade.
Erros na vida acontecem o tempo inteiro, o tempo irá mostrar pra você quem são os verdadeiros.
Os faladores de plantão espíritos pobres, apenas Deus guerreiro, conhece o seu corre.

Não se iluda as luzes do camarim no divã.
Seja um sábio visionário e pense no amanhã
Saia em busca do amor e da felicidade
Não seja escravo eterno da futilidade.