Almir Sater - O Último Condor - Clickletras.com.br


Letra O Último Condor


Seca o gigante do mundo penado
Vaga tangido
Brada gemidos
Sai derradeiro vivente a voar
Cordilheiras passadas na vida

Vai e cai e cansa distante
Neste rasante longe dos montes
Ser coração no latejo final
No abismo da fera faminta
Treme a terra e perde a paz

Vai condor, cai condor
Cai condor